Você está aqui: Pagina PrincipalArtigosSer ou Ter, qual a sua escolha?

Ser ou Ter, qual a sua escolha?

 

Márcio Tunala

Um grande desafio para nossa sociedade hoje é restaurar valores da família que foram perdidos. A maioria dos lares apresenta dificuldades devido ao grande número de casamentos desfeitos, ou mesmo pelo estilo de vida que muitos pais e mães optaram.

alt

A realidade é que muitas crianças crescem sozinhas diante da televisão ou internet. O resultado disto é uma grande quantidade de pessoas adoecidas emocionalmente. Observar os efeitos nocivos do estilo de vida que as últimas gerações optaram, precisa gerar em nós uma conscientização de quanto precisamos repensar sobre nossas escolhas. Caso você tenha filhos, como tem sido seu relacionamento com eles? Caso você pretenda ter filhos, que tipo de criação pretende dar a eles?

O grande problema dos pais omissos não é a falta de consciência com relação às escolhas erradas, mas sim a falta de coragem de romper com o estilo de vida consumista e ambicioso. Para muitos, a família tem ocupado os últimos lugares na escala de importância – as primeiras posições tem sido ocupadas pela vaidade profissional, os títulos, o dinheiro e tudo que envolva a auto realização.

Augusto Cury declara uma frase muito interessante: “Prepare seu filho para ser, pois o mundo o preparará para ter. Atualmente criar filhos com princípios e valores que valorizam e protege a família é nadar contra a correnteza, mas não há dúvida que valha a pena. Todos os valores que ensinamos aos nossos filhos ninguém jamais poderá tirar deles. Todos os bens que eles venham a herdar, são passíveis de perda, mas os ensinamentos os acompanharão durante toda a vida.

Gosto de pensar que tudo o que ensino aos meus filhos eles jamais esquecerão. Eles têm a opção de não utilizar os valores e princípios recebidos, mas para isso terão que rejeitar conscientemente aquilo que receberam.

A Bíblia afirma em Provérbios 22:6 : “Eduque a criança no caminho em que deve andar e até o fim da vida não se desviará dele”. Não há dúvida que nenhuma instituição educacional, por mais competente que seja, será capaz de construir princípios e valores em um ser humano da maneira como uma família pode fazer. Nada tem tanta capacidade para abençoar como a família, e também não há nada que tenha tanta capacidade de destruir uma vida como a família.

 

Fonte : www.vida.net

Go to top